27.1.07

Temporariamente não responderei aos comentários que contiverem perguntas

Este blog, a cada dia, tem recebido mais e mais visitantes. Muitos, com problemas similares, fazem-me perguntas através dos comentários. Desde o início sempre tentei responder a todas as questões de maneira minuciosa e responsável. Mas isto tem consumido diariamente grande parte de meu tempo disponível. Como o tratamento de meu pai continua, ainda tenho muito que fazer se quiser mantê-lo vivo e saudável. Além disto, o próprio blog carece de novos artigos sobre importantes temas correlatos ao tratamento de tumores do cérebro, que ainda não foram abordados de maneira consistente. Por estes motivos, estou parando de responder às perguntas feitas.

Dedicarei-me agora ao seguinte:
  • Preparar um artigo sobre nutrição oncológica;
  • Terminar a tradução do texto “Opções de Tratamento para Glioblastomas e outros Gliomas, do Prof. Ben Willians;
  • Atualizar o tópico “Dia a dia do tratamento”;
  • Traduzir um guia para pacientes recentemente diagnosticados;
  • Escrever um artigo resumindo como foi o tratamento de meu pai até agora;
  • Elaborar uma relação das perguntas mais freqüentemente feitas junto com suas respostas;
  • Escrever um artigo sobre o que hoje sei que é importante no tratamento de tumores de Grau IV.;
  • Preparar um resumo sobre as descobertas científicas mais importantes para o tratamento, publicadas no ano de 2006.

Espero concluir os novos trabalhos num período de dois meses.
Responderei a todas as perguntas que foram postadas até o dia de ontem (26/01/07).
Qualquer comentário que for feito durante este período será publicado normalmente.

Espero contar com a compreensão de todos.

Miguel Francisco

21 Comments:

At 20:38, Blogger Ana Paula said...

Olá meu nome é Ana Paula e desde setembro passado 2006, sofro juntamente com a minha mãe que se encontra hj em cima de uma cama, não podendo mais andar, muito menos fazer suas necessidades sozinha.
Luta contra um câncer desde 95, onde neste ano foi diagnosticado um ca de mama. Desde então já fez inúmeras sessões de quimio, radio, onde em 2004 depois de recidivas ( ossos, fígado, pulmão, tiróide) foi diagnosticado um tumor no cérebro, este foi tratado com radio e quimio. Neste ano que passou, 2006 houve recidiva cerebral novamente, mas os médicos acharam melhor não intervir com nenhum tratamento específico (radio), pois alegaram que seria muito agressivo à ela, por causa da intensidade que foi feita anteriormente. Foi pescrito o uso de Decadron 2x ao dia,Omeprazol, Hidantal 2x ao dia e tb o uso de Temodal. Mas o médico disse que nesse caso de recidiva não é muito válido o uso desse remédio quimioterápico.
Tenho dúvida sobre o que foi dito por ele, gostaria de poder saber de outros casos parecidos como da minha mãe se foi tomado o Temodal e se houve alguma ajuda...Se souber de algo, Miguel, me comunique, por favor!
Meu e-mail é: soares.aninha@gmail.com
Aguardo anciosamente respostas,
Obrigada!

 
At 23:13, Anonymous Elisângela said...

Deixei um comentário nesse blog há um tempo atrás, e depois de muitos meses, resolvi vir aqui denovo pra saber do seu pai. O meu após ser diagnosticado com gliobastoma multiforme grau IV, teve exatamente oito meses de vida, falecendo em agosto do ano passado.
Fico feliz de ver que o seu pai está indo bem e com poucas limitações, espero que continue assim por muito, muito tempo.
Fiquem com Deus e muita força!

 
At 16:53, Anonymous Luiz said...

Miguel, parabéns pelo trabalho no blog. Meu nome é Luiz e conheci esse espaço pesquisando na intenet. Trabalho na Associação Brasileira do Câncer, uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público que tem como missão, informar, educar e mobilizar a sociedade para a prevenção, detecção precoce e diminuição do sofrimento das pessoas tocadas pelo câncer.
Não sei se você já conhece o nosso trabalho mas espero que venha conhecer pelo nosso site (www.abcancer.org.br). Um abraço e mais uma vez parabéns pela rica iniciativa.

 
At 11:27, Anonymous Anônimo said...

Caro Miguel,

Tb estou pesquisando sobre nutrição oncologica. Estou ancioso por ler o seu artigo. Se puder encaminhar um cópia diretamente pro meu e-mail (rdcf2804@yahoo.com.br), ficaria muito agradecido. Tenho certeza que vai ajudar muito no tratamento dos meus pais.Tanto como forma de diminuir as possibilidades de recidivas como forma de alcanlçar a cura.

Um grande abraço e fique com a proteção de Deus e da Virgem Maria.

Rodrigo

 
At 16:22, Anonymous A.A.BARROSO said...

Caro Amigo
Minha querida mulher sofre da mesma enfermidade de seu Pai.Acompanho com o maior interesse todos os passos de seu BLOG e seus conselhos têm sido preciosos para suportar tão cruel situação. Obrigado pela disponibilidade para partilhar connosco suas pesquisas e orientações. Fico ansiosamente esperando a nova fase do seu excepcional BLOG. Aceite nossa gratidão e os melhores cumprimentos, meus e de minha mulher.
A.BARROSO (Lisboa)

 
At 11:44, Anonymous Anônimo said...

OLA MIGUEL SOU A PAULA DA SUICA ESTOU FELIZ POR SEU PAI E ORANDO SEMPRE POR TODOS OS QUE PADECEM DES TE MAL PARA QUE CONSIGAO PODER SOBREVIVER COM BEM ESTAR . GOSTARIA DE LHE FASER UMA PRGUNA QUE E DE MUIA AJUDA PARA UM ESTUDO QUE QUERO FASER A PERGUNTA E SE O GLIOBLASTOMA MULTIFORME DE SEU PAI E DO LADO ESQUERDO OU DIREITO POIS POR UMAS PESQUISAS QUE FIZ , DO LADO DIREITO TEM MENOS INPOSTECES DE SUBREVIVENCIA OU PELO MENOS FOI ASIM QUE O MEDICO DO MEU MARIDO ME DISSE QUE ERA MAIS PERIGOSO DO LADO DIREIO QUE DO LADO ESQUERDO ASIM COMO OS CASOS AKI QUE TENHO CONHECIMENTO AS PESSOAS QUE DURAO ALGUNS ANOS E DO LADO ESQUERDO OUTRAS MESES OU 1 OU2 ANOS DO LADO DIREITO GOSTARIA SE TEM CONHECIMENTO SOBREESAS ESTATISTICAS OU E UMA IMFORMACAO E INCORRETA O BRIGADO POR EXESTIR E ACONTINUACAO DAS MELHORAS DE SEU PAI CONTINOU A AQUERER FASER PARTE DESTA FAMILIA DE LUTA DO GLBM MESMO TER MEU MARIDO PERDIDO A BATALHA UM ABRACO PARA TODOSPAULA MACHADO

 
At 07:31, Blogger Miguel Francisco said...

Paula

Não é fator de prognóstico o hemisfério onde o tumor está situado. Se alguém lhe falou isto, está desinformado.
O tumor de meu pai se situa no lobo temporal direito.

 
At 09:48, Blogger Blog Dr. Claudio Barbosa said...

Caro Miguel, meu querido sogro faleceu após 6 meses e meio do diagnóstico. Como correspondi anteriormente, tentamos suplementos, anti-oxidantes, Homeopatia, Temodal, radioterapia mas, a impressao que se tem é que nao respondeu a nada. A evolucao foi progressiva e rápida. A verdade eh que os fatores prognosticos quando do diagnostico eram pessimos: a idade, o tamanho do tumor, a impossibilidade de resseccao cirugica radical, etc Nao faltou carinho, amor e atencao. Cremos, como cristaos, na ressureicao e por isso sabemos ele se encontra na gloria dos Ceus devido ao amor misericordioso do Pai que nao abandona aqueles que nele se refugiam. Este eh um blog que discute a luta, a dor, mas também a proximidade da morte... Tentemos crescer enquanto pessoas ao passarmos por estas dificuldades... Força a todos que mantém-se de pé. Pois o ser humanpo nao foi feito para se curvar,mas olhar altivo para o horizonte...
Abraços
Claudio Barbosa
Médico Homeopata e Acupunturista

 
At 18:56, Anonymous Luciana said...

Olá Miguel,

Fiquei muito impressionada com a sua iniciativa!
Quem me dera te-la encontrado há 1 ano de 9 meses atrás!
Este é o tempo que faz que diagnosticamos o GBM de minha mãe, hoje com 58 anos, porém já muito afetada pela doença.
Como a grande maioria dos paciente ela também passou pela cirurgia para retirada do tumor, a qual foi muito bem, e ela saiu sem nenhuma sequela, algumas semanas depois ela iniciou a radioterapia e em um mês de radio foi diagnosticada uma recindiva, porém que atingia uma área nobre do cérebro e por este motivo os médicos optaram por tratar com radiocirurgia (boost), as sequelas começaram a aparecer muito rápido assim como a expansão do tumor. Chegamos a avaliar em vários momentos a possibilidade de uma nova cirurgia, mas os nurocirugiões sempre forma muito conservadores devido a possibilidade de não conseguirem melhorar a qualidade de vida ou até piorar. o TEMODAL foi a segunda laternativa de quimio que tentamos, porém demoramos para inicira o tratamento, e relamente ele tem sido muito eficiente, soó que minha mãe já tinha sequelas muito graves.
No mês passado pela primeira vez a ressonancia mostrou uma redução do tumor, e fortes inicios de que se trata de radionecrose. E novamente volta a possibilidade de uma nova cirurgia.
Você até o momento me parece a pessoa mais esclarecida nesta doença e gostaria muito de poder ter a sua opinião sobre dois pontos: a possível cirurgia em minha mãe, e a continuidade do tratamento com Temodal, como ela completou o 12 ciclo, a média determinou uma pausa no tratmento, você já ouviu sobre os efeitos de Temodal quando em uso prolongado?
Adicionalmente eu gostaria de poder te ajudar, eu falo inglês e posso te ajudar na tradução de alguns artigos e também trocar mais informações sobre o tratamento da minha mãe, os medicamentos que ela toma e etc... Meu e mail é lumacluf@hotmail.com.

Um abraço,

Luciana

 
At 08:23, Anonymous Victor said...

Olá miguel,estou convicto que uma alimentação apropriada auxilia no tratamento de qualquer mal.Existem cursos de pós graduação em nutrição que tratam disso.Seria interessante,também,o acompanhamento psicoterápico,para buscar as causas do surgimento da doença,pois ela não é mais do que o final do processo,dores mal resolvidas,mágoas etc.Este acompanhamento pode ajudar a prevenir e ser um adjuvante no processo.Um abraço
O perdão é um poderoso medicamento

 
At 11:01, Anonymous Ana PAula Buller said...

Olá Miguel...
Acho que minhas mensagens não chegam a vc!Sou de Osvaldo Cruz e meu pai que está em tratamento de Tupã.
Ja tentei mandar varios comentarios ...mas nenhum teve resposta.Meu email é anabuller@hotmail.com

 
At 12:37, Anonymous Shayene said...

Oi Miguel, vi acima que você disse que não responderia as perguntas, mas o meu pai está com o mesmo problema que o seu, no mesmo lugar, foi descoberto ainda essa semana, 7/03/2007, precisava tirar algumas dúvidas, tenho 20 ano me casei ha 3 meses, e estou um pouco deseperada com o ocorrido e o que tenho ouvido dos médicos, embora creio no Deus do impossivel.
Será que podemos trocar email e conversar!

Grata, Shayene Galle Martins
Meu email é shaygalle@hotmail.com

 
At 08:59, Anonymous Anônimo said...

Bom dia...toda manhã eu entro no seu blog p/ ver se recebi alguma resposta...e nada como sempre....
Como ja disse moro em Osvaldo Cruz e estou sempre em Presidente Prudente....meu pai de TupÃ, foi operado em São PAulo e fez o tratamento lá....cirurgia,radio, quimio e faz de tres em tres meses a ressonancia....Entra dia 28/03 no último ciclo do temodal(6CICLO)
Gostaria de estar trocando informaçoes com vc....Não sei qual será o procedimento após término
do temodal....toma-se mais temodal???E a DRa NISE HITOMI YAMAguchi vc levou seu pai???
Estou esperando sua resposta....
ANA PAULA BULLER 16/3/2007

 
At 18:06, Anonymous Anônimo said...

Entendo que vc não esteja respondendo aos comentários. Mas, estamos com nossa Elisabeth, ainda em tratamento com Temodal (5/23) e com possibilidade de recidiva na última ressonância. Estamos desesperados. Por favor, se puder nos ajudar com alguma informação importante sobre tratamentos disponíveis que ainda não foram muito divulgados - o texto traduzido do Dr. Wiliams, vacinas biotecnológicas, medicina ortomolecular, etc. - ficaremos eternamente gratos. Meu e-mail é: jogouamar@hotmail.com

 
At 18:08, Anonymous Anônimo said...

Entendo que vc não esteja respondendo aos comentários. Mas, estamos com nossa Elisabeth, ainda em tratamento com Temodal (5/23) e com possibilidade de recidiva na última ressonância. Estamos desesperados. Por favor, se puder nos ajudar com alguma informação importante sobre tratamentos disponíveis que ainda não foram muito divulgados - o texto traduzido do Dr. Wiliams, vacinas biotecnológicas, medicina ortomolecular, etc. - ficaremos eternamente gratos. Meu e-mail é: jogouamar@hotmail.com

 
At 18:09, Anonymous Anônimo said...

Entendo que vc não esteja respondendo aos comentários. Mas, estamos com nossa Elisabeth, ainda em tratamento com Temodal (5/23) e com possibilidade de recidiva na última ressonância. Estamos desesperados. Por favor, se puder nos ajudar com alguma informação importante sobre tratamentos disponíveis que ainda não foram muito divulgados - o texto traduzido do Dr. Wiliams, vacinas biotecnológicas, medicina ortomolecular, etc. - ficaremos eternamente gratos. Meu e-mail é: jogouamar@hotmail.comyfklqkqt

 
At 15:34, Anonymous Anônimo said...

Olá Miguel,
Fico muito feliz em saber que ainda existem pessoas como você, que além de ter os seu problemas, ainda tem tempo para ajudar pessoas que precisam de ajuda.
Com certeza a sua dedicação nos faz sentir fortes,com aluguma esperança e aproveitar o máximo de tempo com nossos seres queridos.
Perdi minha mãe com câncer terminal, no qual após o diagnostico teve apenas um mês de vida.
Parabéns pelo seu Blog.
Fique sempre com Deus e estou torcendo pelo seu pai.
Um abraço.
Carolina

 
At 08:25, Blogger Carol Escobar said...

Olá Miguel,
Não estou conseguindo colocar meu comentário para vc ler. Não sou muito boa de computador.
Bom, tenho uma irmão com Glioblastoma. Gostaria muito de trocar umas palavras com vc por telefone.Qual é o seu telefone? Se puder me ligar?
Att,
Carolina Escobar
11-9198-3130

 
At 08:26, Blogger Carol Escobar said...

Olá Miguel,
Não estou conseguindo colocar meu comentário para vc ler. Não sou muito boa de computador.
Bom, tenho uma irmão com Glioblastoma. Gostaria muito de trocar umas palavras com vc por telefone.Qual é o seu telefone? Se puder me ligar?
Att,
Carolina Escobar
11-9198-3130

 
At 09:32, Blogger zFlavio said...

Olá Miguel,

Como outros leitores, não estou conseguindo colocar meus comentários aqui no seu blog. Estou na mesma situação de muitos dos seus leitores e gostaria de saber se você já terminou de traduzir os resultados do Ben William e onde está disponível. Seria de grande ajuda se vc o disponibilizasse aqui no seu blog.

Fico feliz pelo seu pai, mas triste pelos outros que ainda tentam desesperadamente encontrar uma saída para esse problema tão triste e que nos abate, sem termos uma visão clara dos tratamentos alternativos existentes.

Umabraço e aguardo sua resposta

Flávio
zflavio@gmail.com

 
At 15:03, Anonymous Tati said...

Olá, Meu nome é Tatiana
Acabamos de descobrir que meu pai 53 anos está com glioblastoma multiforme lado esquerdo, gostaria de conversar com vocês referente aos casos.
meu e-mail é tatim@ig.com.br
obrigada !

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Health 
Blog Top Sites Blog Directory